Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Wall Street confirma recuperação: Dow Jones +1,85%, Nasdaq +1,20%

A Bolsa de Nova York confirmou sua recuperação nesta quinta-feira, ante a queda contínua dos preços do petróleo e uma salva de resultados trimestrais de empresas que superaram as previsões, como os do banco JPMorgan Chase: o Dow Jones ganhou 1,85%, e o Nasdaq, 1,20%.

AFP |

O Dow Jones Industrial Average (DJIA) subiu 207,38 pontos a 11.446,66 unidades e o índice Nasdaq, de alto componente tecnológico, aumentou 27,45 pontos a 2.312,30 unidades.

O índice ampliado Standard & Poor's 500 avançou por sua vez 14,96 pontos a 1.260,32 unidades (+1,20%).

"Os investidores obtiveram uma pausa em suas principais preocupações: o setor financeiro, dizimado nas últimas semanas, e o petróleo", explicou Peter Cardillo, analista de Avalon Partners.

O terceiro banco americano por seus ativos JPMorgan, a Coca-Cola e o grupo diversificado United Technologies (UTC), que fazem parte do índice Dow Jones, deram aos investidores uma visão positiva da situação da economia americana.

Depois do rival Wells Fargo, JPMorgan Chase publicou resultados em baixa mas melhores que os previstos pelo mercado, apesar da crise das instituições financeiras.

Igualmente, Coca-Cola e UTC tranqüilizaram sobre o setor de consumo, motor do crescimento americano.

Na frente macroeconômica, o setor imobiliário deu sinais de recuperação, enquanto as demandas de seguro-desemprego foram menores que o previsto por analistas.

O rendimento dos bônus do Tesouro a 10 anos subiram para 4,038%, contra 3,934% na noite de quarta-feira e o dos títulos a 30 anos a 4,638%, contra 4,582%.

lo/cg/sd

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG