Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Wall Street abre em alta de 1,74% influenciada por bons números da IBM

Nova York, 9 out (EFE).- O índice Dow Jones Industrial da Bolsa de Nova York abriu hoje em alta de 1,74%, influenciado pelos resultados preliminares da IBM, após fechar nas últimas seis sessões em baixa.

EFE |

Após a abertura da Bolsa de Nova York, o Dow Jones Industrial, o mais importante de Wall Street, subia 160,81 pontos (1,74%), para 9.418,91.

As ações de IBM, que faz parte do Dow Jones, avançavam 2,85%, para US$ 93,13, após serem apresentados resultados preliminares melhores que o esperado pelos analistas de Wall Street.

A IBM informou que no terceiro trimestre ganhou US$ 2,8 bilhões, 20% a mais que no mesmo período de 2007.

Os títulos de AIG, que também fazem parte deste índice, desciam 7,84%, para US$ 2,94, apesar de o Federal Reserve (Fed, banco central americano) ter anunciado que injetará outros US4 37,8 bilhões em troca de títulos da seguradora americana.

Já o índice Nasdaq, no qual cotam a maior parte das empresas de tecnologia e informática, avançava 40,24 pontos (2,31%), para 1.780,57, enquanto o seletivo S&P 500 subia 14,99 pontos (1,52%), para 999,93.

O índice composto NYSE, que reúne todos os papéis cotados na Bolsa de Nova York, subia 100,97 pontos (1,6%), para 6.407,32.

O Dow Jones caiu 34,6% e o S&P 500 37% desde que há um ano ambos alcançaram um recorde histórico.

As ações das empresas financeiras subiam 1,33% em seu conjunto, após expirar a proibição da venda a descoberto de ações que estabeleceu a Comissão da Bolsa de Valores dos Estados Unidos (SEC) e que esteve vigente em 14 sessões das bolsas de valores.

Para o otimismo de Wall Street contribuíram as informações divulgadas pelo Departamento de Trabalho dos EUA, de que o número semanal de pedidos de seguro-desemprego teve uma queda de 20.000 unidades na semana passada e alcançou o total de 478.000.

As obrigações para dez anos caíam no mercado secundário da dívida e ofereciam uma rentabilidade, que se movimenta em sentido contrário, de 3,76%, em comparação ao 3,66% do fechamento da última quarta. EFE bj/fal

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG