Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Wall Street abre em alta de 0,91% apesar de aumento do desemprego nos EUA

Nova York, 7 nov (EFE).- O índice Dow Jones Industrial da Bolsa de Nova York abriu hoje em alta de 0,91% apesar de as informações sobre o mercado de trabalho dos Estados Unidos em outubro terem sido piores que o esperado por Wall Street e enquanto se aguarda pela primeira coletiva de Barack Obama como presidente eleito.

EFE |

Após a abertura do pregão nova-iorquino, o Dow Jones Industrial, índice mais importante de Wall Street, subia 79,49 pontos (0,91%), para 8.775,28.

Na quarta-feira este índice caiu 5,05% e na quinta 4,85%, o que representou a pior queda em duas sessões consecutivas do Dow Jones desde outubro de 1987.

Já o indicador Nasdaq iniciou em alta de 13,71 pontos (0,85%), para 1.622,41, enquanto o seletivo S&P 500 registrava aumento de 6,3 pontos (0,7%), para 911,18.

O índice composto NYSE, que reúne todos os valores cotados na Bolsa de Nova York, subia 81,88 pontos (1,44%), para 5.749,28.

Wall Street abria com seus principais indicadores em alta, após ser divulgado que a economia dos EUA perdeu em outubro 240.000 postos de trabalho e o índice de desemprego subiu 0,4 ponto percentual, para 6,5% da força de trabalho, a marca mais alta em 14 anos, informou hoje o Departamento de Trabalho.

A maior parte dos analistas esperava uma perda líquida de 200.000 postos de trabalho e um índice de desemprego de 6,3%.

Os investidores esperam que Obama, após se reunir com seus assessores econômicos, realize às 17h30 (horário de Brasília) sua primeira entrevista coletiva desde que venceu as eleições presidenciais na última terça.

As obrigações para dez anos desciam no mercado secundário da dívida e sua rentabilidade, que se movimenta em sentido inverso, estava em 3,77%, em comparação ao 3,7% do fechamento de quinta. EFE bj/fal

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG