Nova York, 30 dez (EFE).- A Bolsa de Wall Street abriu hoje em alta de 0,82%, encorajada pela contribuição de US$ 5 bilhões do Departamento do Tesouro dos Estados Unidos à GMAC, a unidade financeira da General Motors.

Minutos após o início das negociações, o índice Dow Jones Industrial, que inclui algumas das maiores empresas americanas, subia 69,77 pontos, para 8.553,70.

Já o Nasdaq aumentava 12,90 pontos (0,85%), para 1.523,22, e o seletivo S&P500 subia 6,58 pontos (0,76%), para 876.

O Governo dos EUA decidiu usar parte dos US$ 700 bilhões do plano de resgate preparado para o setor financeiro para aumentar a liquidez do GMAC, em troca de ações preferenciais nesta companhia.

Além disso, fornecerá US$ 1 bilhão à General Motors para facilitar a reorganização de sua filial financeira como banco comercial.

Estas medidas favoreciam uma revalorização de 7,5% das ações desta companhia e pouco depois da abertura eram negociadas por US$ 3,87.

Também aumentavam as ações da Ford Motor e eram negociadas a US$ 2,25, 1,35% mais caras que no fechamento de segunda.

Os bônus da dívida pública para dez anos desciam hoje de preço e sua rentabilidade se situava em 2,14%. EFE vm/fal

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.