Tamanho do texto

SÃO PAULO - A fabricante sueca de caminhões Volvo apresentou queda de mais de 30% no lucro do terceiro trimestre, afetada pela demanda mais fraca na Europa, América do Norte e Japão em conseqüência da crise financeira global. O lucro líquido foi de 1,977 bilhão de coroas suecas (US$ 253 milhões) no período, abaixo dos 3,118 bilhões de coroas de julho a setembro de 2007. As vendas líquidas saíram de 68,367 bilhões de coroas no terceiro trimestre do ano passado para 69,604 bilhões de coroas nos mesmos três meses deste calendário.

Ambos resultados ficaram aquém das estimativas de muitos analistas.

"A turbulência financeira e o aperto no crédito levaram a uma abordagem mais cautelosa entre os clientes quando chega a hora de decidir os investimentos em novos caminhões", comentou a Volvo em nota.

A empresa reviu suas perspectivas para o exercício completo e espera que o mercado europeu de caminhões pode ficar estável em 2008 e o da América do Norte pode ter recuo ao redor de 10% perante o ano passado.

(Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.