Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Voláteis, ações não sustentam recuperação em NY

Os principais índices de ações do mercado nova-iorquino oscilam em baixa, mas bem acima das mínimas do dia, depois de terem registrado uma recuperação dramática em reação às notícias de que as autoridades norte-americanas estão estudando conceder às agências hipotecárias Fannie Mae e Freddie Mac acesso à janela de redesconto (linha de crédito emergencial) do Federal Reserve (Fed, banco central dos EUA). Também contribuiu para a melhora no sentimento do mercado as declarações públicas de membros do governo reassegurando seu suporte às agências governamentais.

Agência Estado |

O presidente do Fed, Ben Bernanke, disse ao executivo-chefe da agência hipotecária patrocinada pelo governo Freddie Mac, Richard Syron, que a Freddie Mac e a Fannie Mae estão qualificadas a utilizarem a janela de redesconto do Fed, segundo informou a Reuters, citando uma fonte. O senador democrata Christopher Dodd disse que aquela era uma das opções que estava sendo considerada pelo banco central e o Departamento do Tesouro. Dodd disse ainda que "os fatos não justificavam" o pânico do mercado sobre a Freddie Mac e Fannie Mae, acrescentando que elas eram fundamentalmente fortes. O secretário do Tesouro, Henry Paulson, disse que "principal foco (do Tesouro) é dar suporte a Fannie Mae e Freddie Mac em sua atual forma, uma vez que elas têm uma importante missão".

Contudo, o alívio trazido pelas autoridades federais não durou muito e, da mesma forma que as ações subiram, elas voltaram a cair. As ações da Freddie Mac chegaram a virar em alta, mas na última hora do pregão voltavam a cair: Freddie Mac cedia 12,38% e Fannie Mae registrava uma queda de 24,47%.

Esta crise está pesando sobre outras ações do setor financeiro, como Lehman Brothers Holdings, que recuava 17,05%. Entre as componentes do índice Dow Jones, apenas 5 ações registravam alta.

Às 16h46 (de Brasília), o índice Dow Jones caía 1,29%, o Nasdaq recuava 1,21% e o S&P-500 registrava uma queda de 1,31%. As informações são da Dow Jones.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG