Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Vivo lucra R$ 215,5 milhões no quarto trimestre

SÃO PAULO - A Vivo Participações encerrou o quarto trimestre de 2008 com Ebitda (lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização) de R$ 1,396 bilhão, montante 42,6% superior ao registrado em igual período do ano passado, de R$ 978,9 milhões. Refletindo corte de despesas e maior captação de clientes, o lucro líquido no trimestre ficou em R$ 215,5 milhões.

Valor Online |

Entre outubro de dezembro, a receita líquida subiu 14%, somando R$ 4,268 bilhões. Todos os serviços prestados, como franquia, uso de rede, dados e receita de aparelhos, apresentaram crescimento.

Em ritmo bem menor, aumentaram os custos operacionais, que fecharam o quarto trimestre em R$ 2,87 bilhões, avanço de 3,9% no comparativo anual. Destaque para a redução de 6,8% no custo com pessoal. Já o custo do serviço prestado teve ampliação de 18%, para R$ 1,06 bilhão.

A operadora também controlou gastos em outras áreas. As despesas gerais e administrativas caíram 58,3%, para R$ 76,4 milhões no trimestre. A Vivo gastou menos com provisões para devedores duvidosos. O montante caiu 28%, para R$ 59,5 milhões.

A companhia encerrou 2008 com 44,945 milhões clientes, o que representa participação de mercado de 29,8%. Só no quarto trimestre, a empresa conquistou 2,668 milhões de novos clientes. No acumulado do ano, somou 7,561 milhões de novos usuários.

(Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG