Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Venezuela fecha 2008 com crescimento econômico de 4,9%, diz BC

SÃO PAULO - O Produto Interno Bruto (PIB) da Venezuela teve um crescimento real de 4,9% em 2008, de acordo com os dados preliminares divulgados hoje pelo Banco Central do país. Segundo o órgão, foi o quinto ano consecutivo de expansão econômica - embora o ritmo tenha desacelerado bastante em relação aos 8,4% de alta informados para 2007.

Valor Online |

" Trata-se de uma expansão econômica com marcada
ênfase social, orientada para enfrentar a
pobreza, promover a equidade e o desenvolvimento humano
generalizado " diz a mensagem de fim de ano. O BC venezuelano informa que o texto tinha sido redigido por seu presidente, Gastón Parra Luzardo, que faleceu em 14 de dezembro, e depois foi atualizado pelo vice-presidente José Ferrer Nava.

A atividade petroleira aumentou 3% durante o ano, enquanto os demais setores avançaram 5,3%, impulsionados principalmente pelo ramo de comunicações.

O PIB das estatais exibiu forte crescimento de 15%, explicado, em parte, " pelos processos de nacionalização levados a cabo em 2007 " em áreas como energia e comunicações. A expansão do setor privado não-petroleiro limitou-se a 2,7% em 2008 - bem abaixo da taxa de 8% vista em 2007.

Apesar da alta do PIB, os investimentos diminuíram. A Formação Bruta de Capital Fixo - indicativo das aplicações em estruturas - caiu 2,1% neste ano, após aumentar 25,4% no ano passado.

Já a taxa de desemprego nacional recuou 1,4 ponto percentual em 2008, para situar-se numa média de 7,6% da população ativa. A menor taxa foi verificada em novembro, de 6,1%, de acordo com o BC venezuelano.

(Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG