Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Venezuela distribui 59 milhões de barris de petróleo pela Petrocaribe

Maracaibo (Venezuela), 13 jul (EFE).- A Venezuela distribuiu cerca de 59 milhões de barris de petróleo e derivados através da Petrocaribe aos países-membros, que obtiveram uma economia líquida de US$ 921 milhões desde que o mecanismo foi criado em meados de 2005.

EFE |

A fatura desse volume colocado no Caribe nos últimos três anos ascende os US$ 4,697 bilhões, dos quais US$ 2,007 bilhões estão financiados, afirmou hoje o ministro venezuelano de Energia, Rafael Ramírez.

A Petrocaribe estabelece que a fatura petrolífera pode ser cancelada com financiamento de 17 a 25 anos, com período de carência de um ano, e com juros que variam entre 1% e 5%.

"A economia estimada dos beneficiados pelo acordo foi de US$ 14 por barril", disse Ramírez, ao ler um relatório financeiro na 5ª Cúpula Extraordinária da Petrocaribe, realizada este domingo na cidade de Maracaibo, a 700 quilômetros de Caracas.

A cúpula revisa o cumprimento do acordo, impulsionado pelo presidente venezuelano, Hugo Chávez, diante da nova realidade de um mercado petroleiro marcado pela alta dos preços do barril.

A necessidade de revisar a operabilidade do mecanismo se deve ao fato de que, quando a Petrocaribe foi criada, o preço do barril de petróleo rondava os US$ 70 nos mercados internacionais, enquanto atualmente seu valor supera os US$ 140.

Ramírez ressaltou o aumento "progressivo" do fornecimento de petróleo e derivados nos últimos três anos através da Petrocaribe, que aumentou sua distribuição de 42.000 barris diários em 2005 para 85.900 barris por dia em 2008.

O ministro venezuelano também disse que "se constituíram oito empresas mistas" entre a Petróleos de Venezuela S/A (PDVSA) e as estatais dos países caribenhos, com investimentos de US$ 552 milhões em projetos de infra-estrutura, refinarias e centros de armazenamento.

Através do Fundo ALBA-Caribe foram financiados diversos tipos de projetos apresentados pelos membros da Petrocaribe, com US$ 106 milhões, acrescentou Ramírez.

A Petrocaribe é integrada por Antígua e Barbuda, Bahamas, Belize, Cuba, Dominica, Granada, Guiana, Haiti, Jamaica, Nicarágua, República Dominicana, São Cristóvão e Névis, Santa Lúcia, São Vicente e Granadinas e Suriname. EFE gf/ab/plc

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG