Tamanho do texto

Oran (Argélia), 15 dez (EFE).- O ministro do Petróleo venezuelano, Rafael Ramírez, defendeu hoje em Oran, na Argélia, que a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) decida amanhã reduzir a produção conjunta da commodity em pelo menos um milhão de barris diários (mbd).

EFE wr/mh

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.