Tamanho do texto

Dado de maio foi revisado pelo Departamento de Comércio dos EUA para queda de 1,1%, ante recuo de 1,2% informado anteriormente

As vendas no varejo dos Estados Unidos caíram pelo segundo mês seguido em junho, segundo informou hoje o Departamento de Comércio do país. A queda foi de 0,5%, maior que a baixa de 0,3% prevista pelos economistas. O dado de maio foi revisado para queda de 1,1%, ante recuo de 1,2% informado anteriormente. A queda em junho foi devida em parte à menor demanda por carros e autopeças, que caiu 2,3%.

Excluindo o setor automotivo, as vendas diminuíram 0,1%, depois de recuarem 1,2% em maio, ficando em linha com a expectativa dos economistas.

As vendas em postos de combustível recuaram 2,0%. No entanto, excluindo o setor automotivo e os postos de combustível, o varejo dos EUA registrou alta de 0,1% nas vendas em junho. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.