San Francisco, 2 mar (EFE).- As vendas mundiais de chips de informática somaram US$ 15,3 bilhões em janeiro, uma queda de 28,6% em relação ao mesmo mês de 2008, afetadas pela recessão econômica, informou hoje a Associação da Indústria de Semicondutores (SIA, em inglês).

A entidade, com sede no Vale do Silício, acrescentou que a redução frente ao mês anterior chegou a 11,9%.

Janeiro é, tipicamente, um mês de vendas baixas no setor, mas a forte queda reflete "uma erosão contínua da confiança dos consumidores e os efeitos da recessão econômica global", disse o presidente da SIA, George Scalise, em comunicado.

Ele ressaltou também que os estoques das companhias do setor "são muito baixos", o que significa que a capacidade de provisão destas companhias "está aumentando".

Esta não foi a única notícia negativa recente para o setor, pois a Spansion, uma das principais fabricantes de artigos de memória flash dos Estados Unidos, declarou falência no domingo. Estes tipos de semicondutores são utilizados frequentemente em produtos como câmeras digitais.

A Spansion possui aproximadamente 8.900 trabalhadores no mundo todo, e suas ações cotam no índice Nasdaq, onde perderam cerca de 98% do valor no último ano. EFE pg/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.