SÃO PAULO (Reuters) - As vendas de automóveis, comerciais leves, ônibus e caminhões em fevereiro subiram 3,58 por cento sobre o mês anterior, para 220.951 unidades, informou nesta quarta-feira a associação de concessionários de veículos, Fenabrave. Na comparação com fevereiro de 2009 as vendas cresceram 10,83 por cento. No ano, as vendas somam 434.271 unidades, alta de 9,45 por cento sobre o primeiro bimestre de 2009.

Considerando automóveis e comerciais leves apenas, as vendas em fevereiro foram de 211.371 unidades, avanço de 4,77 por cento sobre janeiro e de 10,45 por cento ante fevereiro de 2009.

A indústria vendeu 9.580 ônibus e caminhões no mês passado, queda de 17,2 por cento na comparação mensal e alta de 19,93 por cento na anual. No primeiro bimestre, este segmento apurou licenciamentos de 21.149 unidades, alta de 35,12 por cento.

Motocicletas venderam 120.832 unidades, queda ligeira de 0,6 sobre janeiro e alta de 13,2 por cento no ano. Em janeiro e fevereiro, o setor vendeu 242.360 motos, crescimento de 5,01 por cento.

A Fenabrave espera alta de 9,7 por cento nas vendas de automóveis e comerciais leves em 2010, para 3,3 milhões de unidades.

A previsão para as vendas de caminhões é de crescimento de 13,5 por cento no ano, a 123,8 mil unidades. Em ônibus, a expectativa é de avanço de 11,5 por cento, a 25,1 mil unidades. Motos devem ter crescimento de 10,3 por cento, para 1,77 milhão de unidades.

No acumulado do ano, a Fiat se manteve líder nas vendas de automóveis e comerciais leves, com participação de mercado de 22,73 por cento. Em segundo, a GM registra fatia de 20,92 por cento, enquanto a Volkswagen está na terceira posição com 19,91 por cento. A Ford encerrou o primeiro bimestre com participação de 11,11 por cento.

(Por Rodolfo Barbosa)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.