SÃO PAULO - As vendas reais do setor supermercadista avançaram 4,83% em setembro na comparação com o mesmo período do ano passado

. A informação é da Associação Brasileira de Supermercados (Abras). No entanto, na comparação com o desempenho de agosto, considerado pela entidade como um mês "atípico", houve queda real de 0,55% nas vendas. Nos nove meses do ano até setembro, as vendas do setor supermercadista acumulam alta de 4,75% na comparação com o mesmo intervalo do ano passado. Em setembro, a cesta básica de 35 produtos de largo consumo, analisada mensalmente pela GfK, ficou 2,15% mais cara em relação a agosto, passando a custar R$ 276,77. Em relação a setembro, o preço da cesta avançou 6,73%. Na comparação mensal, os produtos com as altas mais expressivas foram carne dianteiro (7,22%); farinha de mandioca (6,98%); e carne traseiro (5,80%). Já as maiores quedas foram verificadas nos preços da cebola (-24,68%); tomate (-13,05%); e batata (-10,31%). (Ana Luísa Westphalen | Valor)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.