Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Vendas da GM nos EUA despencam 45% em outubro

DETROIT (Reuters) - A General Motors divulgou nesta segunda-feira uma forte queda de 45 por cento nas vendas nos Estados Unidos. A montadora culpou o profundo recuo na confiança do consumidor atingida pela incerteza sobre a crise de crédito. A GM ainda anunciou que irá descartar as promoções de final de ano na terça-feira, antes da típica divulgação de sua agenda em meados de novembro.

Reuters |

A GM afirmou que vendeu 170.585 veículos em outubro, abaixo dos 310.008 no mesmo período há um ano. As vendas de picapes caíram 51 por cento, enquanto que o comércio dos outros carros perderam 34 por cento.

Mark LaNeve, chefe de vendas norte-americanas na GM, afirmou que o colapso dos mercados norte-americanos está ligado a um "aperto do crédito sem precedentes que impactou dramaticamente toda a economia norte-americana --do mercado imobiliário a grandes e pequenas empresas até bancos e empresas familiares".

"O congelamento do crédito também teve um impacto bastante negativo na confiança do consumidor e em sua rotina de consumo em toda a América", afirmou em comunicado.

A GM confirmou a meta de produção para o quarto trimestre em 875 mil veículos, incluindo 407 mil carros e 468 mil picapes. A meta de produção é 16 por cento menor do que no ano passado.

(Reportagem de Poornima Gupta)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG