Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

VCP deve fazer oferta para adquirir ações ON da Aracruz

A Votorantim Celulose e Papel (VCP) pretende fazer uma oferta pública de aquisição (OPA) das ações ordinárias (ON) da Aracruz em circulação no mercado, caso a empresa avance nos planos de incorporar a maior produtora mundial de celulose branqueada de eucalipto. A informação foi dada hoje pelo diretor Financeiro e de Relações com Investidores da Votorantim Industrial, controladora da VCP, Valdir Roque.

Agência Estado |

A VCP anunciou hoje um acordo para comprar 28% do capital votante da Aracruz pertencentes à Arapar, holding da família Lorentzen. O preço da aquisição será de R$ 2,71 bilhões, a ser pago em dinheiro. A VCP já integra o bloco de controle da Aracruz, com 28% das ações ordinárias.

A VCP também negocia com a Arainvest Participações, do Grupo Safra, que também é integrante do bloco de controle da Aracruz com outros 28% das ações ON. A Arainvest terá o prazo de 90 dias para se pronunciar sobre sua opção de exercer ou não o direito de preferência ou de venda conjunta de suas ações (tag along) na produtora de celulose.

Mais cedo, em fato relevante, a VCP informou que não haveria OPA pelas ações ON da Aracruz. Segundo o documento, a OPA não seria necessária porque a VCP está propondo comprar a participação dos outros dois acionistas dentro do bloco atual de controle da Aracruz e, portanto, não haveria alienação de controle, na visão da VCP.

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) possui 12,5% dos papéis ON da Aracruz e outros acionistas detêm 3,5% dessa classe de ações.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG