Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Valorização do dólar afeta preço do petróleo em NY, a US$ 107,89

Os preços do petróleo continuaram caindo, nesta quinta-feira, em Nova York, afetados pelo fortalecimento do dólar, divisa na qual se negocia a commodity.

AFP |

No New York Mercantile Exchange (Nymex), o barril "light sweet crude" para entrega em outubro encerrou em 107,89 dólares, uma queda de 1,46 dólar em relação ao dia anterior.

No Intercontinental Exchange (ICE) de Londres, o barril de Brent, com o mesmo contrato, perdeu 1,76 dólar, para terminar nos 106,30 dólares.

Depois de iniciar a sessão em alta hoje, os preços do petróleo recuaram, reagindo de forma negativa à valorização do dólar.

A moeda americana se apoiou em uma forte revisão para baixo do crescimento europeu, previsto para 2008 e 2009, chegando a ser negociada em seu nível mais alto, a 1,4326 por euro, desde 21 de dezembro.

O dólar forte encarece as matérias-primas, principalmente para os investidores estrangeiros que compram cru para proteger os valores de seu portfólio quando a divisa americana desaba.

Os analistas estimam que os preços do barril devem continuar em queda, devido à desaceleração da economia mundial, o que limitará o consumo de energia nos países industrializados.

O barril de petróleo, que havia alcançado o teto histórico de 147,27 dólares, em 11 de julho, em Nova York, perdeu, assim, cerca de 40 dólares, em menos de dois meses. Nesse contexto, os investidores foram indiferentes à queda das reservas americanas na semana passada.

As reservas de cru perderam 1,9 milhão de barris, quando os analistas previam uma queda de apenas 300.000 barris. Já os estoques de gasolina diminuíram em 1 milhão de barris, e os dos produtos destilados (diesel e combustível para calefação), em 400.000 barris.

lo/tt

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG