Tamanho do texto

A Vale divulgou hoje comunicado confirmando a negociação de um reajuste adicional do preço do minério de ferro com siderúrgicas asiáticas. Na semana passada, depois da exigência de esclarecimentos por parte da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a mineradora havia negado o aumento, mas não havia sido clara sobre a negociação.

Agora, diante da confirmação por siderúrgicas japonesas sobre o reajuste adicional, a empresa declara que quer igualar os preços de seus contratos aos conseguidos por mineradoras européias, em busca de condições mutuamente satisfatórias.

Atualmente, os preços para os clientes asiáticos são inferiores aos praticados para os clientes da Europa em 11% a 11,5%, dependendo do tipo de minério de ferro, informou a mineradora.

A Vale disse também que se trata de negociação em curso e que, portanto, não existe garantia de êxito. Caso seja concluída com sucesso, o ajuste de preços mencionado implicará em acréscimo estimado de receita inferior a 3% da receita total da Vale do período de 12 meses encerrado em junho deste ano, a qual somou US$ 35,481 bilhões.

Leia mais sobre siderurgicas