Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

VALE compra empresa especializada em petróleo e gás

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Vale anunciou na sexta-feira que adquiriu a empresa especializada em avaliação geológica de áreas de exploração de óleo e gás Petroleum Geoscience Technology Ltda (PGT), por 15 milhões de reais. A aquisição da PGT está alinhada à estratégia da Vale de investir na produção própria de gás natural para suprir suas operações no Brasil e no exterior, afirmou a empresa em um comunicado.

Reuters |

A PGT, que passará a se chamar Vale Exploração e Produção de Gás Natural-E&P, foi criada em 2003 na incubadora de empresas da Coppe/UFRJ (Centro de Pós-graduação e Pesquisa de Engenharia da Universidade Federal do Rio de Janeiro). Ao todo, 50 funcionários serão incorporados pela Vale, informou a Coppe/UFRJ em nota.

Assessorada pela PGT, a Vale, maior produtora de minério de ferro do mundo, entrou no setor de petróleo e gás natural no ano passado, ao adquirir concessões de blocos nas bacias de Santos, Pará-Maranhão e Parnaíba na 9a rodada de licitações da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis.

Além da Vale, a PGT assessorou empresas como Queiroz Galvão e Starfish, a norueguesa Norse Energy e a colombiana Ecopetrol.

"Com faturamento estimado em 10 milhões de reais por ano, a PGT é especialista em identificar áreas com potencial para descobertas de petróleo", informou a Coppe/UFRJ em um comunicado.

Desde a 9a rodada, a Vale adquiriu outras participações e hoje possui um portfólio de 15 blocos a serem explorados. Até esta sexta-feira a Vale não tinha se habilitado para a 10a rodada, prevista para 17 e 18 de dezembro.

"Estamos adquirindo mais conhecimento em exploração de gás natural e petróleo. O objetivo é ampliar as opções de geração energética na Vale", afirmou o diretor executivo de Não Ferrosos e Energia, Tito Martins.

A Vale é a maior consumidora de energia do Brasil, ficando com 4,5 por cento de toda a energia gerada no país. A busca de gás nas bacias sedimentares brasileiras tem por objetivo reduzir os custos da companhia com o insumo.

"A partir da aquisição da PGT, a Vale construirá sua equipe própria de profissionais especializados", informou, acrescentando que vai pagar pela aquisição em parcelas anuais até 2013.

A Vale já atua na área de geração de energia elétrica, participando como sócia em oito usinas hidrelétricas, com potência total instalada de 2.509 megawatts.

(Por Denise Luna)

Leia tudo sobre: vale do rio doce

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG