BRASÍLIA - O presidente da Colômbia, Álvaro Uribe, telefonou ontem para o presidente Lula agradecendo a ajuda do governo brasileiro no resgate de seis reféns que estavam em poder das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc). Segundo ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim, Uribe destacou a forma discreta do Brasil na ação humanitária.

"Ele agradeceu a maneira discreta como o Brasil agiu. O presidente Lula, inclusive, comentou que em política, em geral, a discrição é 50% do resultado."
Amorim informou que o presidente Uribe virá ao Brasil no próximo dia 17. O ministro acrescentou que o governo brasileiro está disposto a ajudar em outras ações, mas fez questão de destacar que essa operação de resgate foi uma iniciativa da Cruz Vermelha Internacional.

"Não queremos agir da maneira de que estamos provocando uma ação. Solicitado, nós agiremos. É isso que deu certo " , afirmou Amorim após reunião com o presidente Lula, no Palácio da Alvorada.

(Agência Brasil)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.