Redação internacional, 3 mai (EFE).- As companhias aéreas americanas United Airlines e Continental anunciaram hoje um acordo definitivo de fusão, criando o maior grupo do mundo.

Redação internacional, 3 mai (EFE).- As companhias aéreas americanas United Airlines e Continental anunciaram hoje um acordo definitivo de fusão, criando o maior grupo do mundo. A nova empresa terá 370 destinos, com uma receita de US$ 29 bilhões ao ano. O acordo foi aprovado pelos conselhos de ambas às companhias aéreas no fim de semana passado e a nova companhia resultante conservará o nome de United, mas utilizará o logotipo e a base da Continental em Houston. Segundo informaram hoje as empresas, a fusão gerará em 2013 sinergias estimadas entre US$ 1 bilhão e US$ 1,2 bilhão, incluindo um aumento anual da receita entre US$ 800 e US$ 900 milhões. Em 2008, as empresas chegaram a tentar a fusão. As negociações entre a United e a Continental, terceira e quarta companhias aéreas do mundo pelo número de passageiros atualmente, não foram concluídas pela decisão da Continental de continuar sozinha ao estimar que o entorno econômico era muito arriscado. Na atualidade, o setor aéreo vive uma nova tendência em direção à consolidação para reduzir os custos e a capacidade, aumentar a competitividade e enfrentar melhor a crescente concorrência e a guerra de preços. EFE kot/dm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.