Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Unidade de caminhões da Fiat deixa 1.200 em casa

MILÃO - A fabricante italiana de caminhões Iveco vai afastar temporariamente cerca de 1.200 funcionários no próximo mês por conta da crise vivida pelo setor automotivo, informou um porta-voz da Fiat nesta terça-feira. A Iveco deixará em casa funcionários administrativos e comerciais entre os dias nove e 22 de fevereiro, afirmou o porta-voz. A companhia iniciou um programa de paradas de produção em fábricas na Itália e Espanha em dezembro e janeiro.

Reuters |

A Fiat, sexta maior montadora da Europa em unidades vendidas, informou na semana passada que vai manter em casa cerca de 1.800 trabalhadores de áreas administrativas e comerciais na divisão Fiat Auto por até duas semanas em fevereiro.

Também nesta terça-feira, a sueca Volvo, segunda maior fabricante de caminhões, informou que está cortando 1.620 funcionários de suas operações na Suécia enquanto tenta se ajustar à demanda baixa.

Leia tudo sobre: automobilístico

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG