O lucro líquido do Santander no Brasil respondeu por 21% dos ganhos da instituição no mundo e por 59% do resultado na América Latina no primeiro trimestre de 2010. Analistas internacionais têm chamado a atenção para o fato de que as ações do Santander na Bolsa de Madri têm sofrido menos que a dos seus pares espanhóis por causa da exposição do banco na América Latina.

O lucro líquido do Santander no Brasil respondeu por 21% dos ganhos da instituição no mundo e por 59% do resultado na América Latina no primeiro trimestre de 2010. Analistas internacionais têm chamado a atenção para o fato de que as ações do Santander na Bolsa de Madri têm sofrido menos que a dos seus pares espanhóis por causa da exposição do banco na América Latina. A Espanha é um dos países europeus que enfrentam a desconfiança do mercado em relação à sustentabilidade de sua dívida pública.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.