Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Unica: moagem de cana segue 7,40% superior à safra passada

São Paulo, 27 - As chuvas voltaram a atrapalhar a moagem da cana-de-açúcar no Centro-Sul brasileiro na quinzena terminada em 15 de outubro. Mesmo com aproveitamento de apenas 72,7% do tempo de moagem ante 85% registrado na quinzena anterior, a moagem acumulada na safra Centro-Sul de 2008/09 segue 7,40% superior à do ano passado, atingindo 378,8 milhões de toneladas, informou a União da Indústria de cana-de-açúcar (Unica).

Agência Estado |

A quantidade de cana processada no Centro-Sul na primeira quinzena de outubro foi de 28,76 milhões de toneladas, 3% inferior ao total da mesma quinzena na safra anterior. No Estado de São Paulo, principal produtor do País, a moagem da quinzena ficou 7,52% inferior à do mesmo período na safra anterior, e 14,34% abaixo do total registrado na segunda quinzena de setembro.

A quantidade de açúcares obtidos por tonelada de cana esmagada também caiu 6,2% se comparada com a mesma quinzena da safra 2007/08, ficando em 153,02 quilos contra 163,15 quilos um ano atrás.

Açúcar - As reduções no total de cana moída e na quantidade de produtos obtidos em relação à mesma quinzena na safra passada influenciaram principalmente a produção de açúcar, que foi inferior em 24,21% à registrada no mesmo período da safra 2007/08. No acumulado desde o início da safra, a produção de açúcar este ano está 6,03% ou 1,3 milhão de toneladas inferior à do mesmo período no ano passado, indicando que a produção de açúcar na safra 2008/09 será inferior ao total produzido na safra anterior, quando o total chegou a 26,2 milhões de toneladas.

Na quinzena de 01 a 15 de outubro, 38,79% da cana processada no Centro-Sul foi destinada à produção de açúcar. Desde o início da safra 2008/09, 40,61% da cana moída foi direcionada para açúcar e 59,39% para etanol, números que mais uma vez confirmam as projeções iniciais de que a safra deste ano seria voltada prioritariamente para a produção de etanol.

Até 15 de outubro, a produção do etanol anidro atingiu 6,2 bilhões de litros enquanto a de etanol hidratado totalizou 12,28 bilhões de litros. A produção total de etanol está 14,53% acima do total atingido até 15 de outubro na safra passada, respectivamente, 18,5 bilhões de litros e 16,14 bilhões de litros.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG