SÃO PAULO - O Unibanco obteve lucro líquido de R$ 756 milhões no segundo trimestre de 2008, abaixo dos R$ 841 milhões somados um ano antes. Naquela ocasião, a instituição registrou R$ 203 milhões em fatores não recorrentes. Desconsiderando esses eventos, o ganho foi de R$ 638 milhões entre abril e junho de 2007.

Ao fim de junho deste calendário, o patrimônio líquido do Unibanco equivalia a R$ 12,697 bilhões, alta de 17,6% no confronto com junho de 2007, e os ativos totais somavam R$ 171,972 bilhões, com elevação anual de 32,7%.

Desse crescimento, destaca-se, principalmente, a evolução de R$ 17,3 bilhões da carteira de crédito, sobretudo nos segmentos de financiamento de automóveis, PME, cartões de crédito e na carteira de originação própria de crédito consignado, observou em nota distribuída nesta quinta-feira.

Conforme a instituição, a carteira de crédito atingiu R$ 68,991 bilhões em junho de 2008. Um ano antes, havia alcançado R$ 51,664 bilhões.

No primeiro semestre deste exercício, o Unibanco verificou lucro líquido de R$ 1,497 bilhão, acima do R$ 1,422 bilhão da primeira metade do calendário anterior.

(Valor Online)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.