Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

União Européia oferece cota de importação de biocombustível brasileiro

Genebra, 25 jul (EFE).- A União Européia (UE) ofereceu ao Brasil uma cota de importação de biocombustível brasileiro dentro das negociações da Rodada do Desenvolvimento de Doha da Organização Mundial do Comércio (OMC).

EFE |

Cerca de 30 ministros de países da OMC estão reunidos em Genebra desde o fim de semana passado, tentado desbloquear - com pouco sucesso - a estagnada Rodada de Doha.

Segundo fontes da negociação, o comissário de Comércio da UE, Peter Mandelson, ofereceu ao ministro das Relações Exteriores brasileiro, Celso Amorim, uma cota para o biocombustível do Brasil, produzido a partir da cana-de-açúcar.

A cota, baseada no consumo futuro de biocombustível na Europa, seria de 1,4 milhão de toneladas anuais e seria estabelecida até 2020. O produto entraria na UE com uma tarifa de 10%.

Segundo as mesmas fontes, o Brasil não se mostrou nada entusiasmado com a proposta, que para eles representa um valor mínimo.

Os brasileiros deram como exemplo o consumo americano, que é de 13 bilhões de toneladas de biocombustível por ano. EFE mh/an

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG