A União Europeia (UE) se apressa nesta terça-feira a abrir as portas à imposição de tarifas antidumping a fabricantes americanos de biodiesel suspeitos de subvencionar de maneira desleal suas exportações, indicaram fontes europeias nesta segunda-feira à AFP.

Especialistas dos 27 países da UE preveem reunir-se terça-feira num comitê especializado em questões comerciais para pronunciar-se sobre uma proposta da Comissão Europeia nesse sentido.

Segundo fontes diplomáticas, os 27 países da UE aprovariam esta iniciativa.

Bruxelas propõe tarifas de até 40 euros (50 dólares) para cada 100 litros do produto para combater o dumping e as práticas de subvenções consideradas desleais, ou ajudas diretas à produção, segundo essas fontes.

A Comissão pretende responder, assim, a uma queixa de fabricantes europeus de biodiesel que acusam vários de sus competidores americanos de práticas vinculadas ao dumping.

Para os fabricantes europeus, a aposta é muito grande já que o biodiesel representa até 80% da produção total de biocombustíveis na UE.

lt-mar/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.