Bruxelas, 20 abr (EFE).- O plenário do Parlamento Europeu (PE) debateu hoje um relatório sobre as relações entre a União Europeia (UE) e a América Latina, que recomenda concluir a tramitação de um acordo de associação com a América Central e voltar à negociação desse tipo de acordo com o Mercosul.

Bruxelas, 20 abr (EFE).- O plenário do Parlamento Europeu (PE) debateu hoje um relatório sobre as relações entre a União Europeia (UE) e a América Latina, que recomenda concluir a tramitação de um acordo de associação com a América Central e voltar à negociação desse tipo de acordo com o Mercosul. O deputado conservador espanhol José Ignacio Salafranca, conferente do relatório que o plenário deve votar no começo de maio, destacou o empenho da Presidência espanhola da UE em concluir a negociação de uma associação com a América Central e pediu que as conversas sejam encerradas antes da cúpula euro-latino-americana que será realizada em Madri no dia 18 de maio. Nesse sentido, defendeu a introdução de "doses maiores de generosidade no acordo que se negocia" com essa região. Ele também defende "um pouco de ar na negociação", já que a UE representa 25% de suas exportações, enquanto que a América Central só supõe 2% das europeias, apontou. Salafranca também disse que há "vontade e interesse" da Presidência em relançar as negociações para um acordo de associação entre a UE e o Mercosul estagnadas desde 2004. O relatório diz que esse "seria o acordo birregional mais ambicioso do mundo". O texto também propõe aprofundar os laços com o subcontinente e criar uma "Zona do Euro-Latino-Americana de Associação Global Inter-regional" por volta de 2015 nos âmbitos político, econômico, comercial, social e cultural, "que garanta um desenvolvimento sustentável para as duas regiões". EFE rja/pb
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.