A União Européia (UE) está estudando a possibilidade de criar um sistema comum de garantia dos depósitos bancários dos particulares, diante da dimensão da crise financeira, indicou nesta quarta-feira o presidente da Comissão Européia, José Manuel Durao Barroso.

"Esta idéia é uma das questões que estamos discutindo com a presidência francesa da UE e outros para tentar chegar a um acordo sobre um sistema comum, um mecanismo ou uma cooperação dos diferentes sistemas anunciados ou previstos pelos Estados membros", disse Durão Barroso em entrevista à imprensa.

O governo da Irlanda anunciou terça-feira a criação de uma garantia de dois anos dos depósitos de seis grandes bancos irlandeses, para melhor proteger o sistema bancário nacional contra a crise financeira internacional.

bur-mar/js/lm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.