Londres, 30 - A União Europeia (UE) deve alocar uma área 2,6% menor para o cultivo de beterraba em 2010, mas o plantio no continente europeu em geral deve crescer devido à expansão das lavouras na Rússia e na Ucrânia, informou hoje a consultoria alemã F.O.

Londres, 30 - A União Europeia (UE) deve alocar uma área 2,6% menor para o cultivo de beterraba em 2010, mas o plantio no continente europeu em geral deve crescer devido à expansão das lavouras na Rússia e na Ucrânia, informou hoje a consultoria alemã F.O. Licht. O bloco econômico deve semear 1,37 milhão de hectares com beterraba neste ano, ante 1,41 milhão de hectares em 2009, devido ao impacto de uma safra abundante no ano passado, explicou a consultoria em um relatório. Contudo, o plantio em outros países europeus, como a Rússia e a Ucrânia, deve aumentar o suficiente para elevar a área de cultivo total na Europa para 3,29 milhão de hectares, 7,3% acima dos 3,07 milhões de hectares registrados em 2009. <b>Açúcar</b> A União Europeia deve produzir 16 milhões de toneladas de açúcar bruto em 2010/11, queda de 7% frente à estimativa anterior de 17,2 milhões de toneladas, mas ainda muito acima da cota de 14,5 milhões de toneladas do bloco, segundo a F.O. Licht. A produção dos outros 10 países europeus que não compõem o bloco econômico - incluindo Turquia, Rússia e Ucrânia -, deve alcançar 9,8 milhões de toneladas na próxima temporada, alta de 6,5% na comparação anual. Sendo assim, a produção total do continente pode atingir 25,8 milhões de toneladas, ante 26,4 milhões de toneladas em 2009. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.