Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

TV tridimensional é vedete em feira de Las Vegas

O NAB Show 2010, maior evento de multimídia do mundo, começa amanhã em Las Vegas com uma demonstração das possibilidades da TV tridimensional (TV 3D), numa tela de grandes dimensões, comprovando que a nova tecnologia é a vedete desta feira e congresso da NAB (sigla de Associação Americana de Radiodifusão, ou National Association of Broadcasters). <p><p>A expectativa geral da indústria é a de que 2010 será, realmente, o ano da TV 3D.

AE |

O NAB Show 2010, maior evento de multimídia do mundo, começa amanhã em Las Vegas com uma demonstração das possibilidades da TV tridimensional (TV 3D), numa tela de grandes dimensões, comprovando que a nova tecnologia é a vedete desta feira e congresso da NAB (sigla de Associação Americana de Radiodifusão, ou National Association of Broadcasters). <p><p>A expectativa geral da indústria é a de que 2010 será, realmente, o ano da TV 3D. De acordo com analistas setoriais, o número de televisores 3D que deverão ser lançados pelos fabricantes presentes neste NAB Show poderá ser superior a 100. Isso representa um avanço enorme: no evento do ano passado, a indústria ainda se debruçava sobre as experiências com o cinema 3D, tentando buscar lições para os televisores.<p><p>Todos os novos avanços da imagem de televisão são subprodutos diretos da TV digital. Aliás, a digitalização abriu caminho para um conjunto de mudanças na tecnologia de televisão, e deflagrou uma verdadeira revolução, tanto na qualidade das imagens, quanto no conteúdo e no modelo de negócios.<p><p>Para muitos radiodifusores americanos, o mundo da televisão nunca mais será o mesmo depois da chegada da TV digital.<p><p>Salto de qualidade. Quanto às transformações profundas ocorridas nos televisores, a conclusão central é de que não se pode comparar nada do que existe hoje à disposição do telespectador com o que havia há apenas 10 anos. Além disso, dispomos dos monitores planos, que podem ir muito além das 42 polegadas tradicionais - até 60 ou 100 polegadas (ou 2,54 metros de diagonal) -, tanto com tecnologia de plasma, cada dia melhor, quanto com a de cristal líquido (LCD, de Liquid Crystal Display), em evolução contínua para a TV LED (sigla de Light Emmitting Diode, ou seja, diodo emissor de luz). As informações são do jornal <b>O Estado de S. Paulo</b>.
Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG