Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

TST faz última tentativa de acordo na greve dos Correios

O Tribunal Superior do Trabalho (TST) retoma hoje a audiência de conciliação entre os funcionários e a direção dos Correios (ECT) na tentativa de pôr fim à greve, que já dura duas semanas. Se não houver acordo, o presidente do TST, Rider de Brito, sorteará relator para o processo e marcará a data de julgamento do pedido em que a ECT pede que a greve seja declarada abusiva.

Agência Estado |

Na segunda-feira passada, Brito propôs o encerramento da paralisação e se dispôs a intermediar a negociação entre as partes para discutir todas as reivindicações dos grevistas, mas a proposta foi rejeitada pelos funcionários.

A ECT diz que não vai apresentar nenhuma contraproposta até a decisão do TST, enquanto o secretário-geral da Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios, Manoel Cantoara, afirma que a greve está mantida. A greve completou ontem 14 dias, atingindo 21 Estados e o Distrito Federal. A ECT diz que 108 milhões de correspondências estão paradas.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG