O Tribunal de Justiça de São Paulo afastou o juiz José Paulo Magano do caso VarigLog - acolhendo pedido de suspeição apresentado pelo advogado dos sócios brasileiros da VarigLog, Marcello Panella. O juiz foi declarado suspeito por ter afirmado, em entrevista coletiva, que a decisão de afastar os brasileiros teria sido a menos desonesta.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.