Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Trevisan: Lula acha parceria Mantega-Meirelles perfeita

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou que o ministro da Fazenda, Guido Mantega, e o presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, formam uma dupla perfeita, relatou hoje o empresário Antoninho Marmo Trevisan, integrante do comitê gestor do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES), ao sair de reunião com o presidente no Palácio do Planalto. O Meirelles e o Guido estão fazendo uma parceria que parece um dueto, nunca estiveram tão afinados, disse Lula, segundo Trevisan.

Agência Estado |

O empresário, ao responder a uma pergunta sobre a reação do presidente ao pedido do CDES para que o Comitê de Política Monetária (Copom), do Banco Central, interrompa, já na próxima reunião, na semana que vem, o processo de aumento da taxa básica de juros, a Selic, contou que Lula preferiu evitar declarações sobre juros. "Ele (Henrique Meirelles) é o Banco Central", disse Trevisan. O empresário acrescentou que Lula demonstrou, mais uma vez, confiança total no ministro da Fazenda e no presidente do BC.

"O presidente não fez comentários sobre juros, mas, se eu tivesse que apostar, eu apostaria que a decisão do Copom é de, pelo menos, manter a taxa Selic, o que já seria um sinal positivo, embora o desejo de todos seja a redução", afirmou Trevisan. Atualmente, o juro básico no País está em 13,75% ao ano.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG