Três mil clientes latino-americanos, principalmente do México, Argentina e Brasil, foram afetados pela fraude do fundo de investimento americano Madoff através do banco espanhol Santander, informa o Wall Street Journal.

Se o caso afetar a reputação do banco na América Latina, onde assim como na Espanha é líder e obtém 30% de seus lucros, prejudicaria os planos de expansão, principalmente no Brasil, acrescenta o jornal.

O Santander é um dos bancos europeus mais afetados pela gigantesca fraude de Bernard Madoff, de 50 bilhões de euros.

O banco, que pode ter um grande prejuízo, admitiu que seus clientes, sobretudo os do fundo Optimal, estão expostos em 2,3 bilhões de euros.

O jornal informa ainda que a justiça espanhola quer investigar a relação entre Santander e Madoff e se o banco espanhol tinha conhecimento dos possíveis problemas que explodiram mais tarde.

Leia também:

Leia mais sobre fraude

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.