Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Trânsito de gás à Europa começará com observadores da UE, diz Gazprom

Moscou, 8 jan (EFE).- O trânsito de gás para a Europa por território ucraniano será restabelecido assim que chegarem à Ucrânia os observadores da União Européia (UE), disse, em Moscou, Ilya Kochevrin, responsável de uma subsidiária da Gazprom.

EFE |

Perguntado pela emissora "Eco de Moscou" sobre quando precisamente será restabelecido o envio de gás russo à Europa via Ucrânia, Kochevrin disse que essa pergunta deveria ser feita à Comissão Européia (órgão executivo da UE).

"A decisão depende deles", disse.

A União Européia mantém hoje reuniões em diferentes níveis com representantes russos e ucranianos para preparar o envio de observadores no terreno a fim de controlar o restabelecimento imediato do envio de gás à Europa.

Kochevrin disse que, em sua reunião bilateral, em Bruxelas, os presidentes da Gazprom, Alexei Miller, e da companhia ucraniana Naftogaz, Oleg Dubina, as partes só trataram o tema da venda de gás russo à Ucrânia, estagnado desde 1º de janeiro devido ao desacordo a respeito do preço.

Sobre o trânsito de gás russo pela Ucrânia rumo à Europa, cortado ontem totalmente, Kochevrin respondeu que "essa é outra tarefa e deverá ser tratada a outro nível". EFE mb/an

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG