sem precendentes - Home - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Toyota anuncia queda no lucro e adverte para crise sem precendentes

A Toyota, principal montadora japonesa de automóveis, anunciou nesta quinta-feira uma queda superior a dois terços no lucro no exercício 2008-2009, o que vai representar o menor nível em nove anos, e advertiu que a indústria do setor em todo o mundo enfrenta uma crisis sem precedentes.

AFP |

Segundo as novas previsões, o lucro líquido da Toyota Motor deve cair 68% em relação ao recorde registrado em 2007-2008, o lucro de exploração 73,6% e o volume de negócios 12,5%.

O exercício anual 2008-2009 vai de 1º de abril a 31 de março.

A Toyota reduziu a previsão de lucro líquido para 550 bilhões de ienes (5,6 bilhões de dólares), contra 1,25 trilhão de ienes na estimativa anterior.

O grupo também reduziu os objetivos anuais de volume de negócios, de 25 trilhões de ienes a 23, e de lucro de exploração, que passou de 1,6 trilhão de ienes a 600 bilhões.

Será a primeira vez em oito anos que o lucro líquido de exploração da Toyota será inferior a um trilhão de ienes.

O lucro da empresa no primeiro semestre desabou 48%, a 493,47 bilhões de ienes, em conseqüência da valorização da moeda japonesa e da crise econômica global.

"Os mercados de automóveis, especialmente nos países desenvolvidos, se contraem rapidamente. É uma situação sem precedentes", afirma em um comunicado o vice-presidente executivo da Toyota, Mitsuo Kinoshita.

A venda de veículos Toyota em todo o mundo chegará a 8,24 milhões de unidades no mesmo período, ou seja, 673.000 a menos que no exercício anterior.

Esta será a primeira queda nas vendas da gigante japonesa em uma década. A Toyota disputa a liderança do mercado com a americana General Motors (GM), que também passa por dificuldades.

"Estes resultados ruins se devem, amplamente, à valorização do iene e à queda das vendas de veículos, em conseqüência das difíceis condições do mercado nos Estados Unidos e na Europa", explicou Kinoshita.

kap-roc/fp

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG