Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Totvs busca mais R$ 200 milhões com debêntures conversíveis

SÃO PAULO - Depois de anunciar pela manhã a intenção de buscar R$ 204,5 milhões junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico Social (BNDES), a fabricante de softwares de gestão Totvs divulgou, há pouco, que pretende levantar outros R$ 200 milhões com a emissão de debêntures conversíveis em ações.

Valor Online |

De acordo com a empresa, serão emitidas até 200 mil debêntures conversíveis em ações ordinárias, em duas séries de até 100.000 debêntures, com valor unitário de R$ 1 mil.

A emissão será feita por meio de certificado de depósitos de valores mobiliários (units) cada uma composta por uma debênture da 1ª série e uma debênture da 2ª série. Com isso, cada unit terá valor unitário de R$ 2 mil.

Os atuais acionistas terão preferência na subscrição das units na proporção do número de ações que possuírem. O acionista interessado em tomar parte na distribuição deverá comparecer, exclusivamente, à sede social da companhia, onde assinará o boletim de subscrição. E o pagamento deve ser efetivado em até dois dias úteis após a data de compra.

Pelo termos aprovados, a remuneração das units será a seguinte: as debêntures da 1ª série terão direito a remuneração correspondente à correção monetária calculada com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) acrescida de 3,5% ao ano, limitados à Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP) acrescida de 1,5% ao ano. E as debêntures da 2ª série dão direito a TJLP mais 1,5% ao ano. O pagamento de juros será anual para a 1ª série e semestral para a 2ª série. O prazo de vencimento é de 11 anos.

Com o empréstimo e a emissão de dívida, a companhia busca recursos para financiar seus investimentos além da compra da Datasul, negócio de R$ 700 milhões anunciado no mês passado. Pelos termos de compra, os acionistas da Datasul, que também atua no segmento de software de gestão, receberão R$ 480 milhões em dinheiro, mais 14,3% das ações ON da Totvs.

(Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG