Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Toshiba fecha trimestre com prejuízo líquido de 26,9 bilhões de ienes

SÃO PAULO - A fabricante japonesa de eletroeletrônicos Toshiba anunciou hoje ter fechado seu segundo trimestre fiscal com prejuízo de 26,9 bilhões de ienes (US$ 277 milhões). Em igual período do ano passado, a empresa havia obtido lucro líquido de 25 bilhões de ienes.

Valor Online |

O resultado, segundo a companhia, é reflexo da forte queda nos preços de componentes de memória flash e pela retração na demanda por eletrodomésticos.

O faturamento da empresa fechou o trimestre com retração de 7,3% ante igual intervalo do ano passado, chegando a 1,87 trilhão de ienes. Nesse período, a Toshiba acumulou lucro operacional de 700 milhões de ienes, contra 61,3 bilhões de ienes no ano anterior.

"A economia global entrou em uma fase de recessão, causada por fatores que incluem a crise financeira derivada da crise dos financiamentos imobiliários subprime nos EUA e os aumentos nos preços da energia e das matérias-primas", afirmou a companhia.

A divisão da Toshiba com pior resultado no trimestre foi a de semicondutores, responsável pela fabricação de componentes de memória flash. O prejuízo operacional dessa área da companhia foi de 29,3 bilhões de ienes no trimestre, contra um lucro operacional de 37,2 bilhões de ienes no ano anterior. A companhia culpou a valorização do iene frente o dólar e a forte retração nos preços desses componentes por seu desempenho.

A área de eletrodomésticos e equipamentos domésticos também teve prejuízo operacional entre julho e setembro deste ano, acumulando perdas de 216 milhões de ienes. No mesmo período do ano anterior, essa divisão havia registrado lucro operacional de 1,35 bilhão de ienes. Segundo a Toshiba, a queda na demanda foi responsável pelo resultado.

Ainda no mês passado, a companhia havia revisado para baixo suas expectativas para o fechado do ano fiscal, que se encerra em março de 2009. As projeções da empresa indicam um lucro líquido de 70 bilhões de ienes para o período, quase a metade dos 130 bilhões de ienes registrados no ano fiscal anterior.

(José Sergio Osse | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG