Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

ThyssenKrupp prevê vendas menores para este ano

SÃO PAULO - O grupo siderúrgico alemão ThyssenKrupp projeta uma significativa queda nas vendas relativas ao ano fiscal corrente, resultado da demanda fraca de montadoras e da construção civil. Nós teremos uma queda importante nas vendas, em uma proporção que não pode ser calculada, e isso terá um efeito correspondente sobre o resultado, disse o presidente da companhia, Ekkerhard Schulz.

Valor Online |

"A retração econômica nas montadoras e empresas de construção também irá deixar sua marca na ThyssenKrupp", completou ele. Para reagir a este cenário, a empresa pretende cortar 1 bilhão de euros em custos.

Os preços do aço subiram ao patamar recorde em setembro para depois caírem com o agravamento da crise financeira internacional. Em resposta, a ThyssenKrupp está fechando fábricas e reduzindo os turnos de trabalho, enquanto que a rival ArcelorMittal trabalha para cortar mais de 30% sua produção. Schulz disse ainda que as paradas em quatro unidades de aço inoxidável serão estendidas até o meio de janeiro, à medida em que a demanda enfraquece.

(Valor Online, com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG