O Tesouro americano anunciou nesta quinta-feira que captará mais 60 bilhões de dólares nos mercados dentro de seu programa de ajuda ao Federal Reserve (Fed, banco central americano), em sua tentativa de estabilizar o sistema financeiro.

Esta nova emissão de bonos do Tesouro elevará a 300 bilhões de dólares o total dos fundos captados pelo Estado para o Fed.

O Tesouro americano lançou em 17 de setembro um programa de refinanciamento complementar e desde então procedeu a sete adjudicações.

Nas condições atuais do mercado, este endividamento acontece a um custo particularmente vantajoso para o Estado, já que, com a queda das bolsas, os investidores buscam valores de refúgio, como o ouro ou os Bonos do Tesouro.

mj/cn

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.