Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Terceira maior operadora de turismo britânica declara falência

Dezenas de milhares de vôos foram cancelados na Grã-Bretanha e milhares de passageiros ficaram no exterior sem poder retornar após o anúncio feito nesta sexta-feira da falência do XL Leisure Group, a terceira maior operadora britânica de viagens.

AFP |

Acordo Ortográfico

 A empresa anunciou a quebra em um comunicado divulgado em sua página na internet, na qual indicou que todos os vôos de sua companhia aérea, a XL Airways, que voa para cerca de 50 cidades, "foram imediatamente cancelados".

A empresa, que realiza vôos para destinos no Mediterrâneo, Estados Unidos e África, indicou que sua falência é resultado dos "preços voláteis do petróleo", da "desaceleração econômica" e da impossibilidade de obtenção financiamento.

A quebra da XL deixou 65.000 pessoas sem vôo de volta para a Grã-Bretanha e afeta cerca de 200.000 pessoas que tinham viagens marcadas com a empresa, indicou a Autoridade de Aviação Civil do Reino Unido (CAA).

Mais de 2 milhões de passageiros voaram no ano passado com a XL, que tem 1.700 funcionários no mundo.

Leia mais sobre a falência de agências de turismo

Leia tudo sobre: agência de turismofalência

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG