Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Temor com recessão pesa e derruba mercados europeus

Por Joanne Frearson LONDRES (Reuters) - As ações negociadas no mercado europeu terminaram em queda em dia volátil nesta segunda-feira, à medida que preocupações quanto a uma profunda recessão pesaram no mercado, com bancos na ponta dos papéis que mais perdiam valor. Entretanto, ações ligadas a commodities se valorizaram, seguindo o preço mais altos do petróleo e de metais.

Reuters |

O índice FTSEurofirst 300 das principais ações européias fechou em queda de 0,3 por cento, a 827 pontos, tendo registrado alta de até 843 pontos.

"O mercado operava em alta inicialmente, com as expectativas de que a indústria automotiva seria resgatada ou receberia uma linha temporária de sobrevivência. Mas nós ainda estamos vendo sair dados econômicos ruins", disse Bernard McAlinden, estrategista de mercado do NCB Stockbrokers.

"O índice da atividade manufatureira em Nova York ficou mais fraco novamente em dezembro, e alguns dados de lucro estão chegando negativos."

Investidores também estavam nervosos quanto à decisão sobre a taxa de juro por parte do Federal Reserve dos Estados Unidos na terça-feira.

Papéis de bancos foram os que mais pesaram sobre o índice, à medida que uma crescente lista de grupos financeiros reconheceram exposição à suposta fraude de 50 bilhões de dólares que ronda o operador de Wall Street Bernard Madoff.

BNP Paribas, HSBC, Banco Santander e Unicredit registraram queda entre 0,4 e 10 por cento.

Na outra ponta, os papéis do setor de energia eram as que registraram maior alta do índice, depois de o preço do petróleo negociado em Nova York registrar alta de 2 por cento, impulsionado parcialmente por expectativas de que a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) concordará com um forte corte de fornecimento esta semana para tentar elevar os preços.

Em LONDRES, o índice Financial Times fechou em queda de 0,07 por cento, a 4.277 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX recuou 0,18 por cento, para 4.654 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 caiu 0,87 por cento, para 3.185 pontos.

Em MILÃO, o índice Mibtel encerrou em baixa de 0,41 por cento, a 14.912 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,54 por cento, para 9.023 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 teve alta de 0,60 por cento, para 6.137 pontos.

(Reportagem de Joanne Frearson)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG