Madri, 11 mai (EFE).- A Telefónica ofereceu à Portugal Telecom 5,7 bilhões de euros por 50% da Brasilcel, controlada pela operadora portuguesa, informou o site da Comissão Nacional da Bolsa de Valores.

Madri, 11 mai (EFE).- A Telefónica ofereceu à Portugal Telecom 5,7 bilhões de euros por 50% da Brasilcel, controlada pela operadora portuguesa, informou o site da Comissão Nacional da Bolsa de Valores. A Brasilcel controla 60% da Vivo Participações, que tem cerca de 54 milhões de clientes. A oferta é incondicional e vinculativa, já que a Telefónica conhece bem a Vivo, graças à gestão conjunta com a Portugal Telecom, e é consciente das boas expectativas de futuro da companhia, em um mercado que é um foco estratégico dos investimentos e da gestão da empresa espanhola. Se a operação for realizada, no prazo de dois meses, a Telefónica se compromete a ampliar sua oferta ao resto das ações ordinárias da Vivo que não são controladas pela Brasilcel, cerca de 3,8% do capital. Desta maneira, o investimento total da Telefónica alcançaria os 6,3 bilhões de euros. Com a oferta, a Telefónica facilita possíveis sinergias de uma futura integração com a Telesp. EFE tg/pd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.