Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Telecom na A. Latina ainda não sente desaceleração, dizem executivos

O setor de telecomunicações da América Latina ainda não sentiu os efeitos da desaceleração econômica, segundo executivos da área reunidos hoje no último dia do 10º Fórum Latibex, em Madri. Nosso crescimento está muito forte, não há nenhum sinal de desaceleração, afirmou o diretor financeiro da Net, João Elek.

Agência Estado |

"Agosto foi o melhor mês da história da empresa, setembro foi o segundo melhor, outubro ficou quase igual a setembro e os primeiros 15 dias de novembro também foram muito bons."

Para a diretora de Relações com Investidores da América Móvil, Daniela Lecuona, até agora a empresa não constatou nenhum indício de tendência negativa, já que as adições líquidas de clientes seguem crescendo. A executiva destacou a filosofia da empresa, que no Brasil é dona da operadora móvel Claro, de "apertar os cintos durante as vacas gordas", o que prepara o terreno para os períodos de dificuldades. "Temos experiência com outras crises e estamos com uma posição financeira forte", disse.

Segundo ela, a maior parte dos investimentos necessários já foi feita recentemente, tanto que em 2008 a companhia aportou US$ 5 bilhões na América Latina. "Acredito que o impacto da crise na região vai ser menor e a recuperação será mais rápida", comentou.

Conforme o presidente da colombiana ETB, Fernando Serna, a América Latina é a região onde o setor de telecomunicações mais avança no mundo. "As oportunidades de crescimento são grandes, não é um mercado saturado."

O diretor de finanças da mexicana Iusacell, Bruno Rangel, acredita que a penetração da telefonia celular pode chegar a 90% na região nos próximos anos - hoje está em 78%. "Vemos um potencial de crescimento enorme na região", ratificou o diretor de Controle e Recursos da espanhola Telefónica, Ernesto Lopez Mozo. Ele destacou o crescente interesse por banda larga móvel no Brasil.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG