Tóquio, 11 nov (EFE).- O superávit em conta corrente do Japão caiu 48,8% anualizado em setembro, após ficar em 1,50 trilhão de ienes (US$ 15,316 bilhões), informou hoje o Ministério japonês de Finanças.

A balança de bens e serviços marcou um superávit mensal de 96,1 bilhões (US$ 983 milhões), segundo um relatório preliminar do Governo japonês publicado pela agência local "Kyodo".

O comércio de mercadorias também apresentou um superávit de 247,1 bilhões de ienes (US$ 2,526 bilhões), com um aumento de 2,1% das exportações e uma alta de 32,7% das importações.

Desta forma, as exportações de setembro chegaram a 7,03 trilhões de ienes (US$ 71,960 bilhões) e as importações chegaram aos 6,79 trilhões de ienes (US$ 69,408 bilhões), segundo o relatório.

O aumento das importações foi motivado por uma maior demanda de petróleo e outros recursos naturais do estrangeiro.

A balança de conta corrente é a diferença entre a receita de um país de fontes estrangeiras e os pagamentos que este faz ao estrangeiro, com a exceção do investimento líquido de capital. EFE icr/ma

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.