Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Superávit da balança no mês cai 56,9% na média diária

O superávit da balança comercial no mês de outubro até a terceira semana registrou uma queda de 56,9%, pela média diária (US$ 67,2 milhões), na comparação com o mesmo período do ano passado, em função de uma desaceleração no ritmo de crescimento das exportações. Segundo dados divulgados hoje pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, a média diária das vendas externas, até a terceira semana de outubro, cresceu 17,4% em relação a igual período de 2007.

Agência Estado |

Por outro lado, a média diária das importações, até a terceira semana deste mês ficou 38,1% acima da média do mesmo período outubro de 2007.

Produtos

Segundo o ministério, o aumento das exportações em outubro tem sido sustentado pelos embarques de produtos semimanufaturados e básicos. As vendas de semimanufaturados cresceram 38,3%, com destaque para ferro fundido, produtos semimanufaturados de ferro ou aço, óleo de soja em bruto, ferro-ligas, açúcar em bruto e celulose. As exportações de básicos cresceram 25,5%, por conta de minério de ferro, fumo em folhas, carne de frango, carne bovina, café em grão e petróleo em bruto. Já as vendas de manufaturados subiram apenas 1,7%, em razão da exportação de etanol, aparelhos transmissores ou receptores, açúcar refinado, laminados planos de ferro ou aço e veículos de carga.

Do lado das importações, aumentaram os gastos em outubro, principalmente, com aeronaves e peças (119,6%), siderúrgicos (86,4%), adubos e fertilizantes (63,4%), combustíveis e lubrificantes (58,6%), automóveis e partes (38%), plásticos e obras (34,5%), equipamentos elétricos e eletrônicos (32,1%) e equipamentos mecânicos (27,4%).

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG