Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Superávit comercial foi de US$ 82 mi na semana

A balança comercial brasileira, na segunda semana de março, registrou um superávit de US$ 82 milhões, resultado de US$ 3,423 bilhões em exportações (média diária de US$ 684,6 milhões) e de US$ US$ 3,341 bilhões em importações (média diária de 668,2 milhões). Os dados foram divulgados hoje pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC).

Agência Estado |

O superávit acumulado no mês de março é de US$ 582 milhões. No ano, a balança acumula um superávit de US$ 809 milhões. Já a corrente de comércio (soma dos valores exportados e importados) do período foi de US$ 6,764 bilhões.

O desempenho das exportações nas duas primeiras semanas de março, que atingiram US$ 6,802 bilhões, com média diária de US$ 680,2 milhões, foi 26,7% maior que a média diária registrada em março do ano passado, quando atingiu US$ 536 milhões, segundo os dados do MDIC. Já na comparação com fevereiro deste ano, a média diária das exportações brasileiras registrou um crescimento de apenas 0,4%.

Com relação as importações, as compras totalizaram nos primeiros dez dias úteis de março US$ 6,220 bilhões, com média diária de US$ 622 milhões, desempenho 36,1% maior que o registrado em março de 2009, mas 5,1% menor em relação à média diária das importações de fevereiro último, que foi de US$ 655,7 milhões.

O superávit comercial acumulado no ano, com média diária de US$ 16,9 milhões, é 50,1% menor que o saldo médio diário apresentado no mesmo período do ano passado, que foi de US$ 33,8 milhões. Em 48 dias úteis, as exportações de US$ 30,304 bilhões (média diária de US$ 631,3 milhões) registraram um desempenho 25,9% maior que a média das exportações no mesmo período de 2009, que foi de US$ 501,3 milhões. Já a média das importações de US$ 614,5 milhões, até a segunda semana de março, foi 31,4% maior na comparação com o mesmo período de 2009, quando a média diária foi de US$ 467,6 milhões. De janeiro à segunda semana de março, as importações atingiram US$ 29,495 bilhões.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG