Tamanho do texto

Rio de Janeiro, 1 abr (EFE).- O Brasil acumulou no primeiro trimestre do ano um superávit comercial de US$ 895 milhões, 70% a menos que no mesmo período do ano passado, quando foi de US$ 2,988 bilhões, informou hoje o Governo federal.

Rio de Janeiro, 1 abr (EFE).- O Brasil acumulou no primeiro trimestre do ano um superávit comercial de US$ 895 milhões, 70% a menos que no mesmo período do ano passado, quando foi de US$ 2,988 bilhões, informou hoje o Governo federal. A forte redução do superávit foi atribuída ao crescimento de 35,99% das importações nos três primeiros meses de 2010, segundo os dados divulgados pelo Ministério de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. As importações entre janeiro e março saltaram de US$ 28,189 bilhões no ano passado para US$ 38,334 bilhões este ano, enquanto as exportações subiram de US$ 31,177 bilhões no primeiro trimestre de 2009 para US$ 39,229 bilhões no mesmo período de 2010. O salto das compras externas foi atribuído pelos economistas à forte apreciação do real em relação ao dólar, o que reduziu o preço dos produtos importados, e à recuperação da indústria, que aumentou suas compras de matérias-primas no exterior e de bens de capital. Segundo o Ministério, o superávit comercial de março foi de US$ 668 milhões, 61,96% amenos que o do mesmo mês do ano passado, quando foi de US$ 1,756 bilhão, e fruto de exportações de US$ 15,727 bilhões e importações de US$ 15,059 bilhões. No entanto, o superávit de março superou em 69,54% ao de fevereiro, que foi de US$ 394 milhões, e reverteu o déficit de US$ 167 milhões de janeiro. EFE cm/mh
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.