Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Sumitomo Chemical demitirá 2.500 funcionários para cortar gastos

Tóquio - A japonesa Sumitomo Chemical demitirá 2.500 funcionários fixos e temporários de todo o mundo a partir do mês que vem devido à crise econômica global, informou nesta terça-feira a agência local Kyodo.

EFE |

A empresa, com presença na América Latina e em outros mercados internacionais, anunciou o corte de pessoal como medida para tentar enfrentar as perdas que espera registrar ao encerrar o atual ano fiscal, em março.

A Sumitomo Chemical demitirá um total de dois mil trabalhadores no mês que vem e outros 500 em março de 2010, segundo a "Kyodo".

O corte de pessoal da Hitachi, que conta com um elenco global de 25.588 pessoas, afetará tanto as fábricas da companhia no Japão como no exterior.

A Sumitomo Chemical tem instalações no Brasil e no México, assim como em diversos países da Europa.

A empresa pretende adotar outras medidas para cortar gastos, entre elas o corte do salário anual dos diretores em torno de 20% durante o ano fiscal de 2009.

Além disso, a companhia prevê uma perda líquida de 15 bilhões de ienes (US$ 167,4 milhões) no ano fiscal de 2008.

O número contrasta com os 15 bilhões de ienes (US$ 167,4 milhões) de lucro líquido que tinha previsto inicialmente e com os 63,08 bilhões de ienes (US$ 704 milhões) que a empresa ganhou no ano anterior.

Leia mais sobre emprego

Leia tudo sobre: emprego

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG